Destino: Serra Gaúcha!

“Você já sentiu aquela imensa vontade de fazer uma viagem, mas não sabia por onde começar? Aquela viagem que mistura emoção, aventura, momentos incríveis e lugares exóticos?

Cânion Fortaleza

Cânion Fortaleza – Cambará do Sul, RS.

É para esse caminho que estou querendo ir, para a Serra Gaúcha. Eu nunca viajei sozinha. Confesso que alguns ainda me consideram um bebê e despreparada para tal, porém eu não acho. Óbvio, sua teimosa. Não, não é isso não. Acontece que para algumas pessoas viajar é apenas conhecer pontos turísticos, pagar preços caríssimos e fazer tudo que a agência de viagem diz. Não que eu seja rebelde, mas meu perfil não está para turista, e sim para viajante.

Resignada, decidi explorar primeiro meu Estado – o coração de tudo. Após isso, aos poucos, vou dando os primeiros passos. Estou planejando ainda. Não sei se vou nesse, ou no ano que vem, só sei que meu espírito de viajante me empurra para lá. Eu preciso. É quase  como o ar que eu respiro. Alguns não entendem.

Como resistir a essa beleza? Cachoeira do Caracol - Canela, RS.

Como resistir a essa beleza? Cachoeira do Caracol – Canela, RS.

Planejar e planejar, não deixo de ficar ligada nos relatos do site mais completo sobre viagem do Brasil: o Mochileiros.com. No início eu não compreendia, mas utilizando-o, você, mochileiro, vai se encontrar.

Lago Negro - Gramado, RS.

Lago Negro – Gramado, RS.

Viajar é um sonho e seria saudável que todos nós pudéssemos, um dia, viajar para onde desejamos.
Espero ter aguçado a sua vontade de viajar.

Um abraço,
Thamires C.

Rio Grande, RS: minha cidade!

Faz tempo, desde o ano passado, que quero falar sobre a minha cidade no blog!

Quero tirar algumas fotos da minha querida cidade, que apesar de ser depreciada pelo lixo e pelo vandalismo, continua sendo minha cidade. Eu sei que tem gente que não tem orgulho daqui, porque antes eu não tinha também… Mas é necessário olhar o lado bom das situações, e é isso que farei aqui em Rio Grande. Além disso, percebo que nós, humanos, temos a tendência de não dar valor aquilo que está do nosso lado.

A partir disso, vou tentar fazer um ‘tour’ pela minha city, para mostrar o lado bom dela… Porque sinto que ela precisa dessa mão. Enfim, aqui em Rio Grande somos banhados por água, por isso nosso ‘cartão postal’ explora essa dádiva da Natureza.

Em breve, preparei alguns posts para falar com carinho dessa cidade mais antiga do Rio Grande do Sul!!

Boa terça-feira, leitores!